GT 10 – REDES CRIMINAIS, DISPOSITIVOS DE CLASSIFICAÇÃO E PUNIÇÃO

Coordenação: Profª. Drª. Jânia Perla Diógenes de Aquino (LEV-UFC); Profª. Drª. Rochele Fellini Fachinetto (UFRGS); Profª. Drª. Mariana Possas (UFBA)

O grupo de trabalho pretende agregar pesquisadores cujos estudos envolvam práticas e coletivos ilegais, agentes e mecanismos ( institucionalizados ou não) de classificação, repressão e punição de práticas suscetíveis à incriminação, bem como as experiências de diversos atores em instituições policiais, judiciais e prisionais. Além da discussão dos dados e descobertas etnográficas, o GT buscará contribuir para a reflexão sobre os dilemas éticos e as dificuldades operacionais referentes à realização da pesquisa, ao tratamento analítico dos dados e às formas de publicização das informações obtidas.

 

 

Sessão 01: 03/12/14 Local: CETREDE (Sala 03)

REDUZIR A MAIORIDADE PENAL: UMA CAUSA SEM EFEITOS

Rafael Aguiar Ribeiro

O MORTO, A COISA E A PESSOA: A CONSTRUÇÃO DO MORTO NO ÂMBITO DA PEFOCE

Breno Taveira Mesquita Instituição

UMA VISÃO ALÉM DAS GRADES: ALARGANDO O REPERTÓRIO SOBRE MEDIDAS SOCIOEDUCATIVAS

João Bendelaque

ENTRE ATOS JUVENIS E PERFORMANCES DE RESPONSABILIZAÇÃO: O SISTEMA DE JUSTIÇA E A APLICAÇÃO DE MEDIDAS SOCIOEDUCATIVAS NO INTERIOR DO CEARÁ

Nayara Alinne Soares Mendonça, Geovani Jacó de Freitas

DE “MULHERES DE BANDIDOS” A PRESIDIÁRIAS (E VICE VERSA): CONSIDERAÇÕES SOBRE OS SENTIDOS DE JUSTIÇA, AMOR E PUNIÇÃO EM UNIDADES PRISIONAIS DE NATAL (RN)

Juliana G. Melo

POLÍTICA, MOVIMENTOS SOCIAIS E NARCOTRÁFICO NO MÉXICO: O CASO DOS ESTUDANTES NORMALISTAS DE AYOTZINAPA

André Lucas Maia de Brito, Leonardo Damasceno de Sá

REPRESENTAÇÕES DO CRIME E DO CRIMINOSO SEGUNDO OS DISCURSOS BANALIZADOR E ACUSADOR-PUNITIVO EM JORNAIS MACAPAENSES.

Rubieli de Abreu Oliveira, Delque Pantoja Medeiros, Rayanne Karollyne Pontes da Silva, Ed Carlos Guimarães

SOCIEDADE PARALELA: CONSTITUIÇÃO E HIERARQUIZAÇÃO CARCERARIA COMO SINÔNIMO DE SOBREVIVÊNCIA NAS SECCIONAIS URBANAS DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELÉM DO PARÁ

Amanda Soares Neves, Paulo de Tarso Picanço Maia de Souza

 

Sessão 02: 04/12/14 Local: CETREDE – Sala 03

PROJETO COMEÇAR DE NOVO NO PARÁ: DIMINUIÇÃO DA REINCIDÊNCIA DIANTE DA SUPERLOTAÇÃO CARCERÁRIA.

Jessika Jhenniffer da Silva Carvalho, Marciane Cruz do Nascimento, Thábyta Kyria Alves Galvão de Lima,

A FALÊNCIA DO SISTEMA PENAL BRASILEIRO

Bianca Inácio dos Santos, Lygia Maués Teixeira, Victor Siqueira Mendes De Nóvoa

A COEXISTÊNCIA ENTRE SEVERIDADE E PUNIÇÃO NA ADMINISTRAÇÃO ESTATAL DAS DROGAS: UMA ANÁLISE DA NOVA LEI DE DROGAS

Marcelo da Silveira Campos

O ESTADO DA ARTE DA PRODUÇÃO ACADÊMICA SOBRE FLUXO DO SISTEMA DE JUSTIÇA CRIMINAL

Anna Virgínia Cardoso, Júlio Cezar Gaudêncio

PRÁTICAS INSTITUCIONAIS: CAMINHO PUNITIVO DO JOVEM AUTOR DE ATO INFRACIONAL EM FORTALEZA – CE

Iraci Bárbara Vieira Andrade

“SAIDINHA BANCÁRIA”: UMA ABORDAGEM QUANTITATIVA E QUALITATIVA DE UM DELITO CRIMINOSO.

Camila Raquel Câmara Lima

O SISTEMA SOCIOEDUCATIVO E O MENOR INFRATOR DENTRO DE UM CONTEXTO DE PUNIÇÃO, CONTROLE E RESSOCIALIZAÇÃO

Emilly Souza Vulcão, Luiz Ricardo Teixeira Barbosa, Priscilla Ketheny Gomes de Almeida